Você e seu dinheiro

Como administrar seu dinheiro e poupar

Como sair do crédito rotativo

Posted by voceeseudinheiro on October 10, 2010

Por Bruno Tanaka

Segundo estudos da consultoria britânica Lafferty Group, três bancos brasileiros (Itaú, BB e Bradesco) estão entre os maiores emissores de cartões do mundo. Este alto índice é justificado pelo crescimento da classe média no país.

Destes consumidores brasileiros, 25% utilizam o crédito rotativo cujas taxas médias em agosto eram de 238% ao ano (10,69% ao mês).

Isso significa que uma fatura de R$1.000,00 não paga na data de vencimento pode corresponder a uma dívida de R$3.383,00 após 12 meses.

A dívida do cartão de crédito é uma das formas mais caras para a obtenção de crédito, onerando seu orçamento doméstico, podendo levar ao descontrole financeiro e consequentemente o aumento das dívidas. Sendo assim, elimine-a o mais rápido possível!

Alguns passos para sair do crédito rotativo:

1- Identificar a causa desta dívida

2- Fazer um controle de orçamento doméstico

3- Definir um valor de parcela que caiba no seu bolso

4- Renegociar com a mesma instituição ou outras um empréstimo pessoal com juros mais baixos

5- Disciplina para honrar as parcelas em dia

6- Nao se descuidar do orçamento para evitar futuras dívidas

Antes de procurar empréstimos com juros menores, é de máxima importância que os ítens 1, 2 e 3 sejam executados, para que esta dívida não se multiplique e descontrole seu orçamento doméstico.

O planejador financeiro pessoal pode ajudá-los em todas as etapas de eliminação de dívidas e transformá-los em poupadores e investidores conscientes.

PS: Foto por Salvatore Vuono

Sorry, the comment form is closed at this time.

 
%d bloggers like this: